TÍTULO: O bebê Andretti
AUTORA: MayJo
FORMATO: E-book
                         
SINOPSE: Nicolas Andretti é arrogante e prepotente, quer tudo a sua maneira e na hora que quer. Agora ele quer um filho para não ter seus planos na empresa da família abalado.
E, a única forma que ele acha que pode ter o bebê, é convidando Gabrielle Velasco como mãe de aluguel. Ela é a mulher certa para isso, são amigos com benefícios há dois anos e ela não quer compromisso. Arquitetura é a paixão de Gabrielle, antes de qualquer coisa. E melhor de tudo, eles sabem o que querem. Por isso ele faz uma proposta: Ela ter um filho com ele e abrir mão do bebê quando ele nascer e com isso ganharia sua tão esperada especialização fora do país tudo pago por ele.
Gabrielle está em uma encruzilhada: ajudar um amigo e ter sua tão sonhada especialização em um lugar de renome na arquitetura ou ficar e nunca realizar seu sonho, já que a crise financeira em todo pais está tornando isso impossível para uma recém-formada.
Um ano e tudo seria como ela imaginou, daria para Nicolas seu filho e partiria em busca do seu sonho. Então, aceitou a proposta.
Só que ela não contava com o instinto materno quando enfim ouviu o coração do seu filho batendo. Ela faz a única coisa que não deveria fazer: fugiu de Nicolas.
Agora um, furioso Andretti, começa uma caçada atrás de seu filho. E, Ai de Gabrielle quando ele pôr as mãos nelas, porém, nem tudo é do jeito que Nicolas previu que seria.
Uma comédia sexy romântica, com milhares de leitores na internet.

                                                 AMAZON | ADICIONE NO SKOOB


♥ RESENHA


Confesso que não conhecia este livro, mas dou graças por tê-lo encontrado em uma das minhas buscas na Amazon. Estava em busca de algo novo, pois estava meio cansada das mesmas histórias clichês de mocinhas indefesas e homens dominadores. Entretanto, aqui temos sim um homem dominador, mas que acredita sim que amor verdadeiro existem, mas que nem todos têm a sorte de encontra-lo e que sabe que amor não muda ninguém sem que a pessoa queira, mas não deseja experimentá-lo porque simplesmente não está afim, e pronto!

Uma protagonista que adora fazer sexo sem compromisso com Nicolas Andretti e que só tem olhos para sua carreira e não tem nada de fraca. Ainda há os velhos clichês, mas trabalhados de uma maneira que me convenceu a pular meu cronograma de leituras e dar uma chance a ela e escrever esta resenha.
Uma história apaixonante, sensual e repleta de conflitos do jeito que adoro, e sei que muitos também adorarão.




“Agora só tenho que convencer Gabriela a aceitar, mas eu sabia como apertar os botões certos e seus pontos fracos. Afinal, sabia de seus desejos, mais que qualquer outra pessoa...”





Nicolas Andretti vem de uma família Italiana bastante tradicional que possui um grande legado no Brasil. Apesar de comprovar o amor que há entre seus pais e no casamento de seu melhor amigo, para ele, amar uma mulher é sinônimo de se deixar dominar por elas e ele não é do tipo que se deixa submeter, mas que sempre é o dominador.
Num encontro com seu pai, onde o mesmo deixa claro sua decepção pelas escolhas do filho e exige uma mudança, Andretti não encontra outra saída a não ser dar ao pai o que ele tanto quer: Um neto. Mas, como confiar numa mulher ao ponto de a mesma gerar seu filho e fazer com que seus pais acreditem que há uma relação e ele não perca sua posição na empresa para quem ele tanto odeia?

Então, surge Gabriela, sua única amiga mulher, que jamais exigiu nada dele além do que ele já oferece na cama. A relação dos dois jamais ultrapassou os limites do sexo, mas Nicolas não consegue enxergar ninguém melhor para dar à luz ao seu bebê do que Gabriela; Então ele lhe propõe um acordo que beneficiará a ambos.
Gabriela aceita, mas basta que ela ouça os batimentos do coração de seu filho pela primeira vez para perceber o grande erro que cometeu.



“Eu não estava preparada para ouvir o coraçãozinho do meu filho. Eu não posso me sentir assim.”




Eu li "O bebê de Andretti" em um dia e simplesmente devorei. Uma história fluída e super-rápida, mas que possui todos os pontos amarrados. Hora me vi odiando Nicolas por ser tão frio e de repente estou apaixonada por um homem forte, decido a conquistar o amor e a confiança da mãe de seu filho.


Gabriela é uma mulher recém-saída da faculdade e que sonha com uma carreira de sucesso, mas nada passa a importa quando a questão é seu filho. Ela o protege com unhas e dentes, mesmo sabendo que a fúria de um Andretti recairia sobre ela.
Juntamente com os protagonistas temos os personagens secundários ( e confesso que estou ansiosa para ler a história deles!). Eles são divertidos, leais e que desperta no leitor a curiosidade. Sempre que apareciam me peguei pensando sobre a trajetória de cada um e especulando o que estaria esperando por eles. Tem dois personagens secundários na história que já é possível visualizar uma história completa para eles (Por favor, autora, agiliza o próximo livro! 😍)

A escrita da autora é uma escrita super gostosa de ler, bastante leve e que não te faz quere pular partes (acreditem, muitos livros hot me fazem quere fazer isso).



♥ SOBRE A AUTORA


MayJo começou a escrever em novembro de 2014, na plataforma wattpad, alcançando milhões de visualizações de suas histórias. Quando o Amor Acontece é seu primeiro livro em ebook lançado pela Amazon e impresso como autora indie. Essa capricorniana tímida, leitora desde muito nova, está dando seus primeiros passos como autora literária. Estudante de nutrição divide seu tempo entre estudar e escrever no momento.




17 Comentários

  1. O que seria dos NA sem um homem dominador e sem coração (a princípio, né?) kkkk. Esses bad boys dão o toque necessário para as narrativas, e a gente fica num conflito de amor e ódio para com os personagens.
    Parabéns pela resenha, vou procurá-lo na Amazon.
    :*
    Luana
    www.umasegundaopiniao.com

    ResponderExcluir
  2. Ah que lindo!! Juliana obrigada pelo carinho minha linda eu amei. Se a história que visualizou ai foi da Lunna, maio sai a história dela com o Luc rsrs

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem?
    Nossa que livro interessante. Confesso que quando comecei a ler sua resenha imaginei algo assim, ou seja, a história me parece bastante previsível. Mas quem disse que o previsível nao pode ser bom? Sinceramente amei a premissa do livro e a sua resenha, vou procurar o livro sim. Beijos

    ResponderExcluir
  4. Olá,
    Nossa achei muito interessante o livro!! Espero ter oportunidade de lê-lo e quem sabe fazer uma resenha também. Parabéns pela resenha!
    Beijos!
    Meu Livro Fantástico | Facebook

    ResponderExcluir
  5. Olá, tudo bem? Nossa a premissa parece bem clichê né? Porém temos clichês e clichês no mercados. Alguns nos surpreende fazendo-nos gostar bastante deles. Não conhecia a autora mas anotei a dica <3
    Beijos,
    diariasleituras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Não conhecia o livro, e concordo contigo, tem clichês sim, mas pelo que vi foram bem trabalhados. Será interessante ver como o enredo foi desenvolvido.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Confesso que a sinopse me surpreendeu um pouco, porque gostei de ver uma mocinha que está mais preocupada com sua carreira do que com a vida amorosa. No entanto, percebi que o livro tem alguns clichês que me irritam muito, principalmente o do homem mandão e arrogante, que quer tudo do jeito dele. Não sei que é mais absurdo: a proposta que ele faz ou o fato da protagonista aceitar. Mesmo que mais para frente na história eles se arrependam, é algo que eu não engoliria.
    De qualquer forma, gostei muito da sua resenha e fico feliz que você tenha gostado da leitura.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Olá! Que bom que gostou o livro. E que bom que a escrita da autora é super gostosa de ler além de ser leve. Olha eu não curto de ler esse gênero, esse tipo de livro, mas também acho que sempre devemos dá uma chance ao diferente, ao novo. E sua resenha além de me apresentar a obra me deixou curiosa. Tomara que a autora não demore com o próximo livro e que sua espera vale apena. Beijos'

    ResponderExcluir
  10. Oieee!
    Não me interessei muito pela história, mas fico feliz que tenha gostado tanto e adoro conhecer autores nacionais (pelo o que entendi ela é nacional, certo?), mesmo que não sejam do gênero que gosto de ler.

    ResponderExcluir
  11. Fiquei super interessada neste livro, adoro quando as histórias vem com um toque de humor, vou procurar com certeza esse livro, adorei sua resenha, despertou muito a minha curiosidade em saber mais da história. Bjs

    ResponderExcluir
  12. Oi, Juliana!
    Confesso que se eu fosse julgar somente pela capa, passaria meio longe desse livro, mesmo porquê, não é meu gênero preferido. Parece igual a tantas outras capas de histórias hot que vemos por aí, mas o fato de envolver a descoberta do amor materno e as outras complicações trazidas pela fuga da protagonista me fizeram pensar que poderia ter um bom desenvolvimento aí.
    Foge um pouco do padrão, é isso é muito bom.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Juliana, nunca tinha visto falar do livro, mas amei a história.
    Já vou procurar para fazer a leitura, pois gostei muito.

    ResponderExcluir
  14. Hot não é um gênero que leio com frequência, mas pela premissa do livro vejo que esse vale muito a pena. De fato existem muitas histórias clichês que são trabalhadas da mesma forma, que seja clichê mas que seja diferente! Rsrsrs Espero ter contado com algo dessa autora em breve, já vejo que ela escreve bem e preciso conferir. Beijos do Wes ^^

    ResponderExcluir
  15. Oiee!!
    Nossa! !! Achei a sinopse beeeeem interessante apesar de ter estranhado qdo lo q era uma comédia romântica. . Rsrs não imaginava.
    Adorei os pontos q levantou e já fiquei curiosa pra saber o q vai acontecer qdo Andretti for atrás de Gabrielle.
    Dica anotada.
    Bjo

    ResponderExcluir
  16. 'histórias clichês de mocinhas indefesas e homens dominadores. Entretanto, aqui temos sim um homem dominador, mas que acredita sim que amor verdadeiro existem,' bom, isso é clichê, não falta livro e filme sessão d atarde com essa ideia norteadora, no entanto, entendo sua crítica, você queria algo a mais do que estava acostumada. Sobre o livro, acho que tem muitos elementos para conquistar leitores em quantidade.

    ResponderExcluir
  17. Oi...não gosto muito do gênero, mas curti sua resenha. Eu gosto de histórias clichês...kkkk

    Abraços

    ResponderExcluir